Arquivo da categoria ‘Broadway’

Bono e a diretora Julie Taymor durante os ensaios

do musical sobre o Homem Aranha. (Foto:

Divulgação / Site oficial)

O aguardado musical sobre o personagem Homem Aranha, com música de Bono e The Edge, do U2, vai estrear na Broadway em dezembro, anunciaram seus produtores nesta terça-feira (10), depois de enfrentar atrasos devidos a problemas financeiros.
“Spider-Man turn off the dark”, que passou vários anos em desenvolvimento e tinha sido previsto originalmente para estrear no início do ano, vai iniciar suas pré-estreias em 14 de novembro, e a noite de abertura será 21 de dezembro, disse o produtor do espetáculo, Michael Cohl.

Inspirado no herói Homem Aranha, da Marvel Comics, que já deu origem também a uma série de filmes de Hollywood, o musical vai apresentar uma visão nova do geek adolescente Peter Parker, que é picado por uma aranha geneticamente modificada e acorda na manhã seguinte andando no telhado, disse o produtor.

A expectativa é que será o musical mais caro da história da Broadway. De acordo com a imprensa local, seu custo seria de até US$ 50 milhões.

O personagem-título será representado pelo ator e cantor Reeve Carney, vocalista da banda de rock Carney e que apareceu no filme “Neve sobre os cedros.”

Jennifer Damiano, do musical da Broadway “Next to normal”, tomou o lugar de Evan Rachel Wood no papel de Mary Jane Watson, e Patrick Page, de “O rei leão”, vai substituir Alan Cumming no papel de Norman Osborn/Duende Verde.

Johansson foi aplaudida no Cort Theater (Foto: Reuters)

A estrela de cinema Scarlett Johansson realizou sua estreia nos palcos da Broadway, na peça “A view from the bridge”, escrita por Arthur Miller. A atriz foi ovacionada pela plateia que lotou o Cort Theater, em Nova York.

No espetáculo, Johansson interpreta Catherine, uma garota de 17 anos que se apaixona por seu próprio tio, um estivador. A paixão traz desdobramentos trágicos para ambos. O ator Liev Schreiber divide o palco com a atriz no papel do problemático Eddie Carbone.

A peça ficará em cartaz até 4 de abril. A adaptação do texto de 1955 é assinada pelo diretor Gregory Mosher.