Arquivo da categoria ‘festival Natura Nós’

Jay Kay, líder do Jamiroquai, pediu aplausos aos mineiros resgatados no Chile e clamou pela preservação das florestas no Brasil. (Foto: Daigo Oliva / G1)

A banda inglesa Jamiroquai veio pela quarta vez ao Brasil (a primeira foi em 1997 e a última foi em 2006) e se apresentou neste sábado (16) no Festival Natura Nós, na Chácara do Jockey, em São Paulo.

Que chapéu o líder da banda Jay Kay trajava desta vez? Um volumoso cocar preto e branco que, aliado às tradicionais dancinhas do vocalista, e aos sucessos antigos da banda, não deixaram o público se decepcionar, nem ficar parado.

Sem dúvida – e Jay Kay demonstrou saber disso – são os hits mais antigos, como “Virtual Insanity” e “When you gonna learn” que empolgam mais os fãs. Quando a banda arriscou canções mais novas, ou até ainda a serem lançadas, as mãos da plateia paravam de se agitar e a turma ia buscar um refresco ou uma pizza orgânica (sim, o festival é pautado pela sustentabilidade).

Jay Kay pediu aplausos aos mineiros resgatados no Chile e clamou pela preservação das florestas no Brasil.
Os fãs dançaram no encharcado terreno da Chácara do Jockey ao som de “Alright”, “Cosmic girl”e “Canned heat”. No bis, “Deeper underground” fechou a apresentação. O público ainda ficou pedindo “Space cowboy”, mas não foi atendido. Jay Kay promete voltar ao país no ano que vem.

Argentinos e uruguaios do Bajofondo misturam a dramaticidade do tango com batidas eletrônicas e algo de hip hop. (Foto: Daigo Oliva / G1)

Bajofondo

 
A pegada dançante do festival havia ganhado força no show que veio logo antes de Jamiroquai. Os argentinos e uruguaios do Bajofondo misturam a dramaticidade do tango com batidas eletrônicas e algo de hip hop. Não faltou “Pa’Bailar”, talvez a música do conjunto mais conhecida do grande público brasileiro, graças a ter sido trilha da abertura da novela “A Favorita”.

O ponto alto do show foi o final, quando pelo menos 20 fãs foram convidados a subir ao palco para dançar com a banda.

Snow Patrol

Mais cedo, o conjunto britânico Snow Patrol teve uma hora para mostrar seu rock. O vocalista Gary Lightbody destacou que se tratava do primeiro show da banda no Brasil, elogiou o churrasco e a caipirinha nacionais, e lembrou que a apresentação em São Paulo seria a última da atual turnê. “É a ultima vez que tocamos antes de lancar o novo álbum”, disse.

O Snow Patrol começou com “Open your eyes”, e fez o público cantar em coro espontaneamente ao fim de “Crack the shutters”. A apresentação terminou com ”Just say yes”. “Chasing cars” também constou do set list.

A primeira atração internacional da noite foi a dupla francesa de música eletrônica Air. Nicolas Godin e Jean-Benoît Dunckel executaram com seus sintetizadores, acompanhados de bateria e, alternadamente, baixo e guitarra, músicas como “Do the joy” e a mais famosa “Sexy boy”.

Brasileiros
Entre os brasileiros que participaram do festival estiveram Cidadão Instigado, Vanessa da Matta, Marcelo Jeneci, Karina Buhr, Céu e Móveis Coloniais de Acaju.

Vocalista Gary Lightbody, do Snow Patrol , elogiou o churrasco e a caipirinha. (Foto: Daigo Oliva / G1)

Neste domingo (17), o Natura Nós continua, agora com apresentações “para toda a família”: Adriana Calcanhoto mostra seu projeto “Adriana Partinpimpim” e o Pato Fu apresenta seu novo disco “Música de Brinquedo”, gravado com instrumentos infantis. Palavra Cantada e o projeto Pequeno Cidadão, liderado por Arnaldo Antunes, Edgar Scandurra, Taciana Barros e Antonio Pinto fecham a programação.

Dennis Barbosa Do G1, em São Paulo
Fonte:G1

Anúncios

                                                A cantora Vanessa da Mata

Vanessa da Mata sobe hoje às 17h no palco montado na Chácara do Jockey como a principal artista brasileira escalada para o Natura Nós.

Veja cobertura completa do Festival Natura Nós

Jornalistas da Folha comentam ao vivo o festival

“Passione” terá cenas gravadas em festival de música em SP

O festival, que acontece até amanhã, vai reunir novos artistas daqui, como Marcelo Jeneci, Karina Buhr e Cidadão Instigado, e veteranos do pop internacional, como Air, Jamiroquai e Snow Patrol (leia programação abaixo).

Em processo de lançamento de “Bicicletas, Bolos e Outras Alegrias”, novo trabalho de estúdio, Vanessa faz no Jockey o penúltimo show de seu “Multishow ao Vivo”, gravado no ano passado.

“O show novo ainda não está pronto”, diz a cantora. “E, de todo modo, nem faria sentido mostrar repertório inédito em um festival, quando as pessoas querem ouvir suas músicas preferidas.”

Amanhã, o Natura Nós tem programação dedicada às crianças, com shows de Adriana Partimpim, Pequeno Cidadão, Palavra Cantada e Pato Fu _que mostra o CD “Música de Brinquedo”.

TRÊS MESES

“Bicicletas, Bolos e Outras Alegrias”, o disco, foi composto, gravado e lançado em pouco mais de três meses.

Vanessa conta que partiu para Itaipava, região serrana do Rio de Janeiro, e, em um fim de semana, compôs cinco músicas completas.

“Com a experiência, viajo menos [para compor]”, diz. “Existem mil caminhos possíveis quando se vai escrever uma canção. Antes, eu me perdia entre eles. Agora sou mais prática e percebo logo o bonito, o que funciona.”

Escreveu sozinha dez das 12 músicas registradas. As outras duas foram feitas em parcerias com o africano Lokua Kanza e com o brasileiro Gilberto Gil _este canta e toca violão em sua faixa.
A produção musical ficou, outra vez, nas mãos de Kassin (Orquestra Imperial).

Crítica, a compositora cunhou crônicas de costumes em algumas letras, como “Fiu Fiu” e “Bolsa de Grife”.

Mas o tema que costura o trabalho é, claro, a relação amorosa, em todas as suas fases. A cantada (“Moro Longe”), o amor surgindo (“Quando Amanhecer”), a primeira crise (“O Masoquista e o Fugitivo”), a reação a ela (“Te Amo”), o pedido de perdão (“As Palavras”), o rompimento (“Vá”), a aceitação (“Vê se Fica Bem”), a volta (“O Tal Casal”).

“É romantismo feminino, mas diferente do que fizeram Maysa e as mulheres românticas antes de mim”, diz.
“Elas sentiam dor e não saíam dela, morriam de depressão fingindo que era pneumonia. Eu e as românticas de hoje saímos da tragédia assobiando, não ficamos paradas nela até a morte.”

Saiba quais são os shows do festival

HOJE

Palco azul
15h Marcelo Jeneci (com participação de Tulipa Ruiz)
16h20 Karina Buhr
18h10 Céu
20h10 Móveis Coloniais de Acaju
22h20 Bajofondo
Palco verde
15h40 Cidadão Instigado
17h Vanessa da Mata
19h Air
21h Snow Patrol
23h20 Jamiroquai

AMANHÃ

Palco azul
12h30 Pequeno Cidadão
13h45 Palavra Cantada
15h Pato Fu
Palco verde
16h30 Adriana Partimpim

QUANDO hoje, a partir das 15h, e amanhã, a partir do meio-dia

ONDE Chácara do Jockey (av. Pirajussara, s/n, tel. 4003-1527 _ligação local de qualquer lugar do Brasil)

QUANTO R$ 190 (pista) e R$ 500 (pista premium), hoje; R$ 60, amanhã

ONDE COMPRAR pelo site http://www.livepass.com.br/ e nos pontos de venda oficiais

COMO IR é possível deixar o carro estacionado no World Trade Center (av. das Nações Unidas, 12.551) ou no Terreno Ibianópolis (r. Ibiapinópolis, 781) para ir de van; de R$ 40 a R$ 60

ESTACIONAMENTO o oficial da Chácara do Jockey fica na r. Caminho do Engenho, 805; R$ 25 para carros com 3 ou mais pessoas e R$ 35 para veículos com 2 pessoas

CLASSIFICAÇÃO 14 anos, no sábado, e livre, no domingo ]
Fonte:Folha Ilustrada.

16 e 17 de outubro, acontece em São Paulo o festival Natura Nós na Chácara do Jockey.

No sábado (16), o evento terá 10 shows no total, com quatro atrações internacionais: Jamiroquai, Snow Patrol, Air e Bajofondo.
 Ainda completam a escalação do dia Marcelo Jeneci, Cidadão Instigado, Karina Buhr, Vanessa da Mata, Céu e Móveis Coloniais de Acaju. As apresentações serão divididas em dois palcos e os portões serão abertos às 13h.

Voltado para o público infantil, o domingo (17) recebe os shows de Pequeno Cidadão, Palavra Cantada, Pato Fu e Adriana Partimpim em um palco único. A abertura dos portões acontece às 11h, com início das apresentações ao meio-dia.

Os ingressos começam a ser vendidos na próxima segunda-feira (9) pela internet, pelo telefone 4003-1527 e nos pontos de venda cadastrados, com preços de R$ 190 (pista) e R$ 500 (pista premium) para o dia 16, e R$ 60 para o dia 17. Há meia-entrada para todos os setores.


FESTIVAL NATURA NÓS EM SP
Quando: 16/10, a partir das 13h e 17/10, a partir das 11h
Onde: Chácara do Jockey (Avenida Pirajussara, s/n)
Quanto: no dia 16 – R$ 190 (pista) e R$ 500 (pista premium); no dia 17 – R$ 60; há meia-entrada para os dois setores
Ingressos: pela internet, pelo telefone 4003-1527 e nos pontos de venda cadastrados
Fonte:UOL