Arquivo da categoria ‘Filmes’

              Lucy e Aslam em A Viagem do Peregrino da Alvorada.

Os seres inesquecíveis em “As Crônicas de Nárnia” e outras fábulas – Colherada Cultural

Anúncios

                              Pôster de Tetro, com Vincent Gallo
                           
“Tetro” é drama familiar com fotografia impecável e assinatura característica de Francis Ford Coppola – Colherada Cultural

Os 10 filmes mais vistos no Brasil e no EUA

Publicado: novembro 24, 2010 em Filmes

      Harry Potter and The Deathly Hallow: Part I.

O filme será dividido em duas partes. Nesta primeira, Harry (Daniel Radcliffe), Rony (Rupert Grint) e Hermione (Emma Watson) abandonam a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts para buscar as Horcruxes – objetos que contêm pedaços da alma -, feitas por Voldemort, conforme indicado pelo diretor Alvo Dumbledore, antes deste morrer no longa anterior.

  • Vistos no Brasil
  • HARRY POTTER E AS RELÍQUIAS DA MORTE – PARTE I
  • TROPA DE ELITE 2
  • MUITA CALMA NESSA HORA
  • RED – APOSENTADOS E PERIGOSOS
  • UM PARTO DE VIAGEM
  • SENNA
  • JOGOS MORTAIS – O FINAL
  • JACKASS 3D
  • ATIVIDADE PARANORMAL 2
  • UM HOMEM MISTERIOSO
  • Vistos nos EUA

                      Clooney em filme adaptado de livro homônimo. 

      “Um Homem Misterioso”, com George Clooney, investe no drama pessoal de um assassino – Colherada Cultural

      Confira o primeiro pôster de "The Eagle".

      Publicado: novembro 12, 2010 em Filmes

                      A estreia no Brasil acontece em 18 de março.

      The Eagle é uma adaptação do romance homônimo de Rosemary Sutcliff e se passa na sombria Inglaterra do ano 140, duas décadas depois do desaparecimento total da Nona Legião do Exército Romano nas montanhas da Escócia.

       O jovem centurião Marcus Aquila (Channing Tatum) volta de Roma com o propósito de resolver o mistério da morte de seu pai, comandante da Nona Legião, e restaurar sua honra. Acompanhado de seu escravo inglês Esca (Jamie Bell), Marcus ruma para a Caledonia para confrontar tribos selvagens e recuperar a águia de ouro perdida que servia de símbolo para a legião.

      A direção do filme é de Kevin Macdonald. Jeremy Block assina o roteiro.

       Cena de ‘O último mestre do ar’: longa liderou bilheterias nacionais no fim de semana. (Foto: Divulgação)

      O filme “O último mestre do ar”, dirigido por M. Night Shyamalan (de “O sexto sentido” e “Sinais”) estreou no topo das bilheterias brasileiras no último fim de semana. O longa baseado no animê “Avatar” (exibido no país pelo canal a cabo Nickelodeon) faturou R$ 4,4 milhões, de acordo com dados divulgados nesta terça-feira (24) pelo site Filme B.
      A estreia do longa tirou da liderança a animação “Meu malvado favorito”, estreia da Universal no segmento de desenhos em 3D. O filme arrecadou US$ 2,3 milhões, em sua terceira semana de exibição.

      Em terceiro lugar ficou o thriller “A origem”, com Leonardo DiCaprio. O longa faturou R$ 2,1 milhões no país.

      “Os mercenários”, longa dirigido por Stallone e lançado em meio a polêmica gerada por frases do ator sobre o Brasil, permaneceu na quarta posição do ranking.

      Veja abaixo os dez filmes mais vistos no Brasil e suas bilheterias

      ‘O último mestre do ar’ R$ 4,4 milhões

      ‘Meu malvado favorito’ R$ 2,3 milhões

      ‘A origem’ R$ 2,1 milhões

      ‘Os mercenários’ R$ 1,66 milhão

      ‘O aprendiz de feiticeiro’ R$ 1,61 milhão

      ‘Salt’ R$ 789 mil

      ‘O bem amado’ R$ 455 mil

      ‘Shrek para sempre’ R$ 358 mil

      ‘400 contra 1’ R$ 120 mil

      ‘Coco Chanel & Igor Stravinsky’ R$ 98 mil

      Quando chega a notícia de que um filme (bom ou não) vai ser refilmado, a reação mais comum é torcer o nariz. Afinal, se o original foi tão bom, por que refazê-lo? Ou, se o primeiro foi péssimo, por que voltar a investir na ideia? O site da revista britânica Empire deixou esse preconceito de lado e publicou um ranking com título bem claro: “Remakes Que Vingaram — Os 50 melhores filmes refeitos”.
      Um exemplo interessante e conhecido no Brasil é o 7º lugar, ocupado por “Onze Homens e Um Segredo” (2001), remake do filme de mesmo nome de 1960. O primeiro, concentrado na vida dos personagens no pós-Segunda Guerra, é classificado pelo portal como “quase engraçado”. Já o segundo… “George Clooney. Brad Pitt. Matt Damon. Andy Garcia. Julia Roberts. O que mais você poderia querer? OK, que tal … Casey Affleck? Elliott Gould? Don Cheadle e um tom cômico maluco?” “O elenco por si só, o tornaria digno de ser visto, mas, como se não bastasse, era um divertimento surpreendente”.

      No caso do 11º colocado, “Scarface” (1983) é considerado tão bom quanto seu predecessor, “Scarface — A Vergonha de uma Nação” (1932), mas muito mais sangrento, brutal e ousado — além de contar com Al Pacino, “absolutamente talentoso em seu papel como o barão das drogas de Miami Tony Montana”, segundo o site.

      Já o “Ben-Hur” de 1959 é tido como superior ao de 1925 por uma razão técnica: o original era um filme mudo. E a segunda versão faturou 11 estatuetas do Oscar muito eloquentes. Resultado: 15º lugar.

      No 16º, “Nosferatu — O Vampiro da Noite” (1979), refilmagem de Werner Herzog para o clássico alemão de Murnau, “Nosferatu” (1922). Este é considerado uma obra-prima, mas Herzog teria, segundo a página da internet, “acrescentado suas próprias tomadas de paisagens mórbidas em grande estilo”.

      O “Nasce uma Estrela” de 1954, na 19ª posição, está quite com o de 1937. Deu certo especialmente graças à atuação de Judy Garland que, embora à época já estivesse se afundando nas drogas e no álcool, mostra uma “voz incrível”, nas palavras do portal. Houve ainda uma terceira versão, em 1976, com roteiro reinventado, na qual um astro do rock é que recusa a ajuda da namorada para se livrar de entorpecentes que atrapalham sua carreira.

      “O Chamado” (2002) não é considerado melhor que seu inspirador japonês, “Ringu” (1998). “Mas não significa que não seja um bom remake”, ressalva a Empire. Isso, graças a elementos como “tensão ininterrupta” e “cenas de luta de tirar o fôlego”.

      Na lista, também surgem algumas surpresas. Ou você sabia, por exemplo, que “Fogo Contra Fogo” (1995), 1º colocado, é a refilmagem de um filme feito para TV? Ou que “Os Doze Macacos” (1995), 8ª posição, é baseado num curta-metragem de 28 minutos?

      Talvez nem todos concordem com a lista, mas, entre originais e derivados, figuram muitas obras aclamadas do cinema. Pena que “Museu de Cera” (1953) não ganhou exatamente o que se pode chamar de um “remake que vingou” com “A Casa de Cera” (2005). Paris Hilton não teve tanta sorte quanto Vincent Price. Por que será?

      Confira abaixo a lista completa:

      1. “Fogo Contra Fogo” (1995), remake do filme para TV “L.A. Takedown” (1989)

      2. “O Enigma do Outro Mundo” (1982), remake de “O Monstro do Ártico” (1951)

      3. “A Mosca” (1986), remake de “A Mosca da Cabeça Branca” (1958)

      4. “Quanto Mais Quente Melhor” (1959), remake de “Fanfaren der Liebe” (1951)

      5. “Cabo do Medo” (1991), remake de “Círculo do Medo” (1962)

      6. “Os Infiltrados” (2006), remake de “Conflitos Internos” (2002)

      7. “Onze Homens e Um Segredo” (2001), remake do filme homônimo de 1960

      8. “Os Doze Macacos” (1995), remake do curta-metragem “La Jetée” (1962)

      9. “Jejum de Amor” (1940), remake de “The Front Page” (1931)

      10. “Sete Homens e um Destino” (1960), remake de “Os Sete Samurais” (1954)

      11. “Scarface” (1983), remake de “Scarface — A Vergonha de uma Nação” (1932)

      12. “Apertem os Cintos, o Piloto Sumiu!” (1980), remake de “Zero Hour!” (1957)

      13. “Relíquia Macabra” (1941), remake de “Falcão Maltês” (1931)

      14. “Tarde Demais para Esquecer” (1957), remake de “Duas Vidas” (1939)

      15. “Ben-Hur” (1959), remake do filme homônimo de 1925

      16. “Nosferatu — O Vampiro da Noite” (1979), remake de “Nosferatu” (1922)

      17. “A Arte do Crime” (1999), remake de “Crown, o Magnífico” (1968)

      18. “O Comboio do Medo” (1977), remake de “O Salário do Medo” (1953)

      19. “Nasce uma Estrela” (1954), remake do filme homônimo de 1937

      20. “Madrugada dos Mortos” (2004), remake de “Despertar dos Mortos” (1978)

      21. “O Americano Tranquilo” (2002), remake de “Um Americano Tranquilo” (1958)

      22. “Vanilla Sky” (2001), remake de “Preso na Escuridão” (1997)

      23. “Por um Punhado de Dólares” (1964), remake de “Yojimbo — O Guarda-Costas” (1961)

      24. “O Homem Que Sabia Demais” (1956), remake do filme homônimo de 1934

      25. “Os Dez Mandamentos” (1956), remake do filme homônimo de 1923

      26. “King Kong” (2005), remake do filme homônimo de 1933

      27. “Guerra dos Mundos” (2005), remake de “A Guerra dos Mundos” (1953)

      28. “Um Tiro na Noite” (1981), remake de “Blow Up — Depois Daquele Beijo” (1966)

      29. “Sombras do Mal” (1992), remake do filme homônimo de 1950

      30. “Insônia” (2002), remake do filme homônimo de 1997

      31. “A Verdade da Mentira” (1994), remake de “La Totale!” (1991)

      32. “Os Invasores de Corpos” (1978), remake de “Vampiros de Almas” (1956)

      33. “Os Indomáveis” (2007), remake de “Galante e Sanguinário” (1957)

      34. “Chamas da Vingança” (2004), remake de “Um Homem em Fogo” (1987)

      35. “A Múmia” (199), remake do filme homônimo de 1932

      36. “Perfume de Mulher” (1992), remake do filme homônimo de 1974

      37. “Outland — Comando Titânio” (1981), remake de “Matar ou Morrer” (1952)

      38. “O Chamado” (2002), remake de “Ringu” (1998)

      39. “Sabotador” (1942), remake de “39 Degraus” (1935)

      40. “Paranoia” (2007), remake de “Janela Indiscreta” (1954)

      41. “De Battre Mon Coeur S’Est Arrêté” (2005), remake de “Fingers” (1978)

      42. “A Gaiola das Loucas” (1996), remake do filme homônimo de 1978

      43. “Entre Irmãos” (2009), remake de “Brødre” (2004)

      44. “Inimigo Meu” (1985), remake de “Inferno no Pacífico” (1968)

      45. “Operação Cupido” (1998), remake do filme homônimo de 1961

      46. “Quarentena” (2008), remake de “REC” (2007)

      47. “Assalto ao 13º DP” (1976), remake de “Onde Começa o Inferno” (1959)

      48. “Violência Gratuita” (2007), remake do filme homônimo de 1997

      49. “Três Solteirões e um Bebê” (1987), remake de “Três Homens e um Bebê” (1985)

      50. “Uma saída de mestre” (2003), remake de “Um Golpe à Italiana” (1969)