Arquivo da categoria ‘Jeff Bridges’

                                                        Jeff Bridges em “Tron”

Jeff Bridges, que ganhou um Oscar pelo papel de cantor country decadente neste ano, está gravando um álbum de estúdio com o produtor T-Bone Burnett. Ele pretende lançá-lo no ano que vem e até mesmo sair em turnê.

“Daqui eu vou direto para o estúdio gravar algumas canções, temos uma banda fenomenal”, disse o ator de 61 anos a um grupo de jornalistas no final do mês passado, quando divulgava “Tron – O Legado”.

No filme, que estreia hoje no Brasil, ele faz dois personagens, um deles o mesmo do filme original de 1982, o hacker criador de videogames Kevin Flynn.

Bridges também está em “Bravura Indômita”, faroeste dos irmãos Coen, a ser lançado nos EUA no final deste mês.

Mas não é cinema que tem movido a vida de Bridges, ganhador do Oscar pelo drama “Coração Louco”, de Scott Cooper.

“Música é a grande força da minha vida agora”, disse. “Toco música desde que sou adolescente e, hoje, por alguma razão, várias estrelas estão se alinhando para um grande momento de música na minha vida. Este é meu sonho. E ele está sendo realizado enquanto falamos agora.”

Bridges canta, toca e compõe. O nome da banda será The Royal We, tirado de uma piada do filme “O Grande Lebowski” (1998), no qual faz seu personagem mais famoso, o Dude.

O ator e o músico Burnett são amigos de longa data. Ele coescreveu “The Weary Kid”, Oscar de canção original do longa “Coração Louco”, cantada pela personagem de Bridges.

“Está tudo conectado. E eu preciso dizer, Cooper é culpado por tudo isto”, continuou o ator.

Mas ainda há vida no cinema para Bridges. Ele afirmou que está negociando com Peter Bogdanovich uma sequência dos filmes “A Última Sessão” (1971) e “Texasville” (1990), baseados nos livros de Larry McMurtry.

“Eram cinco livros sobre aqueles personagens. Queremos fazer o próximo. Espero que role”, disse.

E sobre fazer o Dude novamente? “Oh yes, adoraria, você está brincando?!”, disse o ator. “Mas não acho que eles [os diretores, irmãos Coen] fariam de novo.”

FOLHA-FERNANDA EZABELLADE LOS ANGELES .