Arquivo da categoria ‘Lily Allen’

Lily Allen, que ficou famosa com o sucesso Smile, pretende dar um tempo na carreira musical.Foto por Divulgalção

Madonna, Beyoncé Knowles e Gwyneth Paltrow vibraram com a apresentação da cantora.

Lily Allen fez neste domingo (4) o que ela definiu como o último show em Londres durante um bom tempo. A cantora abriu a apresentação do rapper Jay-Z no Wireless Music Festival, realizado no mítico Hyde Park, em Londres. E teve uma plateia muito especial.

Entre outros famosos, estavam lá para conferir a performance da autora do sucesso Smile Madonna e sua filha Lourdes Maria, Beyoncé Knowles e Gwyneth Paltrow. A apresentação teve boa repercussão, segundo o site Ace Showbizz.

Na agenda de Lily teremos mais um show, a ser realizado no dia 18 no Benicassim Festival, na Espanha. A partir daí, ela pretende deixar a carreira artística durante um período, com o intuito de iniciar uma família com o namorado Sam Cooper.

Por sinal, a estrelinha pop dedicou a canção Who’d Have Known, no show, ao namorado, sendo vaiada por algumas pessoas na plateia. Ela brincou, chamando-as de maldosas, antes de interpretar a música para Cooper.

Lily Allen
Há algum tempo, a cantora Lily Allen bradou aos quatro ventos que iria se aposentar do mundo da música para poder se dedicar mais à sua outra paixão, a moda. Pois bem, poucos meses depois, Allen se arrependeu e viu que ficar afastada dos microfones não era uma boa ideia.

Principalmente depois do convite feito à cantora, que ficou a cargo das canções para um musical baseado nas histórias de Bridget Jones (interpretada no cinema por Renée Zellweger). De acordo com o jornal Daily Star, Allen estaria se sentindo mais inspirada do que nunca com essa nova responsabilidade.

“Lily atualmente está escrevendo as melhores canções de toda sua carreira. Ela não está mais sentindo as pressões em compor para uma gravadora e está voltando a amar a música” – disse uma fonte próxima à cantora.

Lily Allen durante show em São Paulo, em 2009(Foto: Daigo Oliva / G1)

Segundo matéria publicada pelo jornal britânico “The Guardian” nesta quarta-feira (2), a cantora Lily Allen está escrevendo, em sigilo, canções para um musical baseado no livro “O diário de Bridget Jones”.
A artista seria responsável pelas músicas da peça, enquanto a autora da série, Helen Fielding, cuidaria do roteiro. A adaptação teatral estaria prevista para ser lançada em outubro em 2011.
Segundo uma fonte do jornal, Allen teria composto uma canção, de um total de 11 previstas. Essa é a primeira vez que ela trabalha em novas faixas desde o lançamento do álbum “It’s not me, it’s you”, de 2009.
No final do ano passado, a cantora admitiu que faria uma pausa em sua carreira musical para se dedicar a outros projetos.

Fonte:G1


A cantora Lily Allen foi agraciada com três prêmios Ivor Novello em uma cerimônia nesta quinta-feira (20) em Londres, entre eles o de melhor compositora do ano.

Além da cantora, artistas como Paolo Nutini e Bat For Lashes também ganharam o prestigiado prêmio dedicado aos compositores pop e eruditos britânicos. Nutini recebeu o troféu de melhor álbum do ano por “Sunny side up” e Natasha Khan, responsável pelo projeto Bat For Lashes (que abriu os shows do Coldplay no Brasil neste ano) ganhou um Ivor Novello por sua faixa “Daniel”.

“Realmente, do fundo do meu coração, essas são as músicas das eu mais me orgulho”, disse Allen, segundo o site do periódico britânico “The Guardian”. Ela também ganhou o prêmio de faixa mais executada por “The fear”, e afirmou que “essa música fala de um sentimento que foi perdido de várias maneiras. De repente, acabei me encontrando”.

Os músicos Paul Weller (ex-The Jam) e Johnny Marr (ex-The Smiths) também foram agraciados com prêmios por sua contribuição à música pop, e o norte-americano Neil Sedaka recebeu um prêmio especial internacional. O Ivors dedicado à música erudita ficou com Peter Maxwell Davies.

Fonte:G1

Lily Allen tira folga

Publicado: maio 18, 2010 em Lily Allen

Divulgação

A cantora inglesa Lily Allen declarou na última semana que irá tirar uma folga da música por está cansada de interpretar seu personagem pop.

Allen afirmou que chegou a um ponto de sua vida no qual precisa ficar mais em casa e não ficar viajando pelo mundo para se apresentar em diferentes palcos. A artista, que disse estar cansada de si mesma, não quer mais interpretar o personagem que criou nos últimos cinco anos.

Mesmo com este intervalo em sua carreira, Lily Allen está trabalhando em um projeto musical secreto. De acordo com sua entrevista para um programa televisivo britânico, ela ainda está escrevendo músicas para outros artistas e tentando fazer um musical.

A cantora de 25 anos disse que não há nada melhor do que ficar longe da indústria musical. Nos últimos anos, ela estava vivendo de forma estressada e corrida, mas agora quer levar uma vida mais sedentária, quer sentar e relaxar um pouco. Finalizando sua declaração, ela afirmou que ficar longe de tudo parece ser a coisa mais sensata a se fazer.

Lily Allen lançou seu primeiro álbum, Alright, Still, em 2006 e estourou com seu single de estréia, ‘Smile’, que alcançou o topo das paradas britânicas. A partir daí, ela ficou conhecida não só pela sua música, que mistura equilibradamente pop e ska, mas também por sua personalidade forte e escândalos envolvendo brigas e excessos.

Em 2009, ela lançou seu segundo trabalho, It´s Not Me, It´s You, que emplacou os hits ‘The Fear’ e ‘F**k You’, faixas que permaneceram durante semanas em 1º lugar nas paradas do Reino Unido.
Autor: Andreia Pasquali

A cantora Lily Allen (Foto: divulgação)

O líder dos conservadores do Reino Unido, David Cameron, disse não gostar que sua filha de 6 anos escute músicas de Lily Allen devido ao “conteúdo sexual” de algumas de suas letras.

“Não podemos manter nossos filhos afastados do mundo comercial, mas deveríamos deixá-los aproveitar a infância e não expô-los a uma comercialização desnecessária e inadequada do sexo quando são pequenos”, declarou Cameron, citado pelo jornal “The Daily Telegraph”.

Segundo o líder conservador, os pais deveriam utilizar a pressão social para forçar os fabricantes a deixarem de lançar sutiãs com enchimento para meninas.

Amadurecimento precoce

Cameron já expressou em diversas ocasiões sua intenção de pôr fim à “excessiva comercialização e sexualização das crianças” caso seja eleito como primeiro-ministro nas próximas eleições no Reino Unido, já que considera que “são pressionadas a crescer rápido demais”.

Entre as medidas que aprovaria figuram um site para que os pais “compartilhem suas preocupações” sobre os produtos “inadequados” para crianças e a proibição de estratégias de marketing “manipuladoras”, como a utilização de redes sociais para transformar crianças em promotoras de produtos.

Nesta semana, se soube que marcas como Fanta e Cheesestrings utilizam redes sociais no Reino Unido para se aproximar de crianças e incentivá-las a promover seus produtos entre seus amigos.

Lily Allen durante show em São Paulo. (Foto: Daigo Oliva)

A inglesa Lily Allen disse que fará uma pausa na carreira de cantora “por um ou dois anos, para se dedicar a outros projetos”.

Em vez de fazer shows e gravar discos, a artista contou à BBC que pretende lançar um selo e criar uma loja de aluguel de roupas.

Em setembro, Lily havia dito que não renovaria o contrato com a sua gravadora. Um porta-voz, no entanto, negou a informação na época.

Ela disse que o show em Londres foi a última coisa que havia planejado. “Vou me concentrar agora em fazer algo nos bastidores”, adiantou, acrescentando que a gravadora que pretende criar será focada em lançar novos talentos.

“Não quero competir com outras gravadoras, mas quero apoiar artistas novos.”

Segundo o semanário musical inglês “NME”, Lily disse que está planejando abrir uma loja em Londres chamada Lucy in Disguise com a sua irmã, Sarah.

“A ideia é tornar a moda mais democrática”, afirmou a cantora.

Ela disse ainda que tem evitado os computadores desde que foi uma das protagonistas de uma discussão recente sobre download ilegal.

“Parei com tudo. Não tenho computador nem BlackBerry. Não uso nem e-mails.”